“O empreendedorismo cívico une o Estado e o cidadão para produzir capital social. O cidadão está sendo chamado a participar, porque o Estado está mostrando que sozinho não consegue realizar tudo que precisa”